Confirmada primeira morte de caiense por coronavírus

Foi confirmada a pouco a primeira morte de paciente diagnosticado com o novo coronavírus em São Sebastião do Caí. O homem de 65 anos, que estava internado na UTI do Hospital São Vicente de Paulo, em Osório, tinha vários problemas de saúde pré-existentes, que foram agravados pelo Covid 19, e não resistiu às complicações da doença.

Internado em um primeiro momento no Hospital Sagrada Família, o paciente foi depois transferido para atendimento intensivo na casa de saúde de Osório por determinação da Central de Regulação de Leitos da Secretaria Estadual de Saúde, onde morreu nesta quarta-feira. “Todos estamos muito abatidos com essa notícia, mas infelizmente aconteceu. Expresso os nossos sentimentos a toda a família e temos de seguir trabalhando no enfrentamento da pandemia”, destacou o secretário municipal de Saúde, Diomar Machado Flores.

O Município de São Sebastião do Caí contabiliza 25 casos do novo coronavírus, dos quais 18 são considerados curados, e agora registra a primeira morte.