Justiça eleitoral alerta para cadastramento biométrico

2231
Eleitores de São Sebastião do Caí devem procurar o Cartório Eleitoral para fazer o cadastramento biométrico

A baixa procura de eleitores para fazer o cadastramento biométrico em São Sebastião do Caí está preocupando a Justiça Eleitoral. De acordo com a juíza da 11ª Zona Eleitoral, Débora Sevik, nas duas primeiras semanas do processo obrigatório, uma média de 50 pessoas procuram o cartório para regularizar sua situação, quando o ideal para o município seria uma média de 90 atendimentos por dia.

A magistrada afirma que o alerta se deve ao risco de transtornos no fim do prazo para o recadastramento, que prossegue até o dia 13 de dezembro. “Sabemos que ainda temos quase sete meses pela frente, mas temos experiência de outros municípios onde a população deixou para os últimos dias e teve de enfrentar filas no sol e calor, entre outros transtornos. É isso que pretendemos evitar em Caí, já que temos 19 mil eleitores na cidade”, afirma a juíza. Ela destaca que todos os portadores de título eleitoral em situação regular baseado no município devem participar do processo sob pena de terem seus registros cancelados, ficando então impedidos de votar já nas eleições do próximo ano.

A revisão está sendo feita no Cartório Eleitoral de São Sebastião do Caí, que fica na Rua Coronel Paulino Teixeira, 619, Centro, de segunda a sexta-feira, das 12 às 19 horas. O eleitor deve apresentar documento de identidade (menos passaporte), título eleitoral (se possuir) e comprovante de residência. No ato da revisão serão verificados os dados do eleitor junto à Justiça Eleitoral, feita nova fotografia da pessoa e colhidas as digitais de todos os dedos de ambas as mãos.